A hairstylist Claudia Matta, profissional Ikesaki, começou o Laboratório de Cores reforçando a importância de discutir os conceitos de colorimetria capilar. O conhecimento amplia as possibilidades e aumenta as capacidade do profissional da beleza. Os primeiros passos para isso é estudar e ampliar os conhecimentos sobre as cores, os tipos de tinturas e as possibilidades de trabalho que cada um deles sozinhos e combinados podem trazer aos cabelos.

O primeiro aprendizado é sobre a estrutura do fio, compreendendo que cada tipo de cabelo exige cuidados, produtos e técnicas específicos para que conquistarem a cor desejada e, ainda assim, permanecer saudáveis.
Em seguida, Matta explica o domínio dos mecanismos de ação dos produtos. Cada composição trará uma ação química específica, portanto, é preciso saber quais são os resultados desejados e, a partir disso, estabelecer quais são os tipos de produtos e a quantidades necessárias para chegar ao objetivo escolhido.
Por último, a discussão chega ao sistema de cores e a construção de cores. As duas teorias funcionam como uma alquimia das cores, permitindo que através de misturas simples de cores sejam formados uma variedade de tons. Chegado neste pronto, a profissional reforçou a importância de neutralizar o tom natural do cabelo para que a tintura chegue ao resultado esperado.
Kiki
Autor

Deixe um comentário

X