Nova Lei de parceria e os seus principais desafios

0
53
Want create site? Find Free WordPress Themes and plugins.

Falar sobre a Nova Lei de Parceria é também falar sobre progressos e discussões voltados para o setor de negócio e beleza. O tema aborda nuances e caminhos que o profissional do setor deve percorrer para estabelecer uma nova forma de exercer a profissão a partir de leis que a reagem.

A determinação de 26 de janeiro de 2017, permite que seja regulamentado o contrato de parceria entre salões de beleza e os profissionais que atuam na área. Nesse contrato, tanto os donos de salões, quanto os funcionários poderão negociar a forma de trabalho, podendo ter ou não vínculo empregatício, ou seja, o profissional de beleza poderá ser um prestador de serviço dentro do estabelecimento.

A parceria dá ao colaborador mais liberdade e garante a escolha de ser autônomo ou registrado, tudo de comum acordo com o seu empregador. Uma das vantagens que esse modelo de negócio pode trazer é a possibilidade de negociação do valor que será faturado no final do mês.  O Sindibeleza está apto para esclarecer todas as dúvidas através do telefone: (11) 3217-4531/(11) 3217-4532 ou pelo e-mail: sindibeleza@fecomercio.com.br

Alguns pontos importantes que merecem ser ressaltados sobre a nova lei são: a melhora da gestão dos recursos financeiros, visto que as contratações a partir de agora serão de acordo com a demanda; mais facilidade para montar uma boa equipe, se pensarmos na agilidade de admissão e a probabilidade de gerar mais empregos nos tempos de crise. Uma lei que como o próprio nome já diz, veio para promover cada vez mais parcerias entre os profissionais do setor da beleza.

Did you find apk for android? You can find new Free Android Games and apps.

Deixe um comentário

Por favor digite seu comentário!
Por favor insira seu nome